É com muito carinho que apresento meu trabalho relatando minha história de amor. Narro tudo sobre o nascimento de meu filho que veio de um parto sinistro e incógnito. Ele teve paralisia cerebral e, desde diagnosticado o problema, foi muita batalha com altos e baixos, principalmente, com relação à sua saúde e ao preconceitos da sociedade. Fui mãe aos 19 anos, era imatura para cuidar de uma

Dois corações e uma história
criança especial, eu caí e levantei muitas vezes, conto os sofrimentos dele diante da impotência de ser normal. O que mais me motivou a realizar este trabalho foi a necessidade de ajudar mães com crianças especiais contando os erros e acertos, dando dicas, apoio moral e espiritual, mostrando que existe milhares de pessoas que são escolhidas para receber essas crianças e integrá-las na sociedade sem preconceito. Além de dar demonstração de muito carinho e conforto para quem tem essa missão que apesar de sofrida é linda diante da lição de vida que elas nos passam. Meu filho viveu 16 anos e 8 meses em cima de uma cama sem falar e sem andar, mas foi feliz por ter tido a mamãe que ele escolheu para cuidar dele até o final de sua existência.